Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

16/12/2017 - 08:17

Sao Luis: Pequenas Nuvens, 26 °C

Saúde oferece atendimento de pulsoterapia para crianças com microcefalia

Saúde oferece atendimento de pulsoterapia para crianças com microcefalia

A equipe do Centro de Referência em Neurodesenvolvimento, Assistência e Reabilitação de Crianças (Ninar), do Complexo Hospitalar Dr. Juvêncio Mattos, realizou pela primeira vez o procedimento de pulsoterapia em crianças com microcefalia e com epilepsia refratária de difícil controle da rede pública do Maranhão. O Ninar é referência no tratamento especializado e diagnóstico para crianças com microcefalia, hidrocefalia e síndrome de Down.

Três crianças com idades de 1 ano e dois meses a 1 ano e quatro meses, portadoras de microcefalia por síndrome do zika vírus e epilepsia refratária, deram entrada na unidade e logo após os procedimentos iniciais foram internadas para receber tratamento. As intervenções médicas foram realizadas no Hospital Infantil Dr. Juvêncio Mattos, unidade estadual da Secretaria de Estado da Saúde (SES), gerenciada pelo Instituto Acqua.

A neuropediatra responsável pelo ambulatório de microcefalia do Ninar, Patrícia da Silva Sousa, explicou como é feito o procedimento com a utilização de metilprednisolona. “Esta modalidade de tratamento é utilizada quando nenhum outro método com outras medicações dá certo. Este procedimento é importante, pois mais crianças que tiverem indicação para usar esse protocolo poderão ser beneficiadas”, pontuou.

No local, as crianças passaram pelo método de pulsoterapia para a administração do medicamento. Para este método, a criança é internada e recebe a medicação de forma endovenosa (na veia) durante seis horas.  Após esse período, ela recebe alta hospitalar e no mês seguinte retorna ao hospital para repetir o procedimento. A primeira fase do tratamento foi realizado entre os dias 20 e 21 de maio.

A realização desse tipo de conduta médica, que tem como principal objetivo neutralizar os efeitos da doença e buscar a estabilização da crise, representa mais um avanço importante no tratamento de crianças com doenças que afetam o neurodesenvolvimento no Maranhão.





Enquete

Você é a favor do Uber ou outros aplicativos de transporte em São Luís?:

 


E-mail:

greg