Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

19/06/2019 - 19:33

Sao Luis: Pequenas Nuvens, 27 °C

Prefeitura realiza programação em comemoração ao Dia Municipal do Livro

Prefeitura realiza programação em comemoração ao Dia Municipal do Livro

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) preparou uma programação especial para celebrar o Dia Municipal do Livro - 15 de junho. Palestras e atividades nas escolas da rede municipal estão sendo realizadas com o objetivo de fortalecer a prática da leitura em sala de aula e nas comunidades. A ação é parte da política educacional implementada pelo prefeito Edivaldo Holanda Junior que tem entre suas prioridades o fortalecimento das práticas de leitura.

A programação foi iniciada na tarde desta segunda-feira (10), na sede da secretaria, no bairro São Francisco quando, em parceria com a Paulinas Editora, o escritor, ator e ilustrador Luciano Pontes ministrou uma palestra. Na ocasião ele falou sobre a importância da leitura, como estimular esse hábito na vida dos estudantes e ainda deu dicas sobre contação de histórias. A atividade foi direcionada para professores da Educação Infantil e técnicos da Semed.

Para a secretária adjunta de Ensino, Maria de Jesus Gaspar Leite, a educação é uma tarefa complexa e parceiros nessa missão sempre são bem-vindos. "É muito importante a presença do Luciano Pontes que vem com novas vivências. É fundamental essa troca de experiência com os nossos técnicos e parcerias como esta, com a Paulinas, são sempre bem-vindas", assegurou.

Luciano Pontes, nascido em Orobó, agreste de Pernambuco, contou um pouco de sua trajetória e apresentou suas obras. Pela Editora Paulinas já publicou os livros 'Ouvindo conchas do mar', 'Uma história sem pé nem cabeça' e 'O carrossel do tempo e Belizbel'. Neste último, ele mostra as habilidades de escritor e ilustrador para contar a história de um menino catador de papel que, apesar das dificuldades, era um sonhador. Certa vez, enquanto descansava de suas andanças, Belizbel viu surgir em meio ao amontoado de papéis o senhor Washi, que lhe ensinou num piscar de olhos várias coisas que poderiam ser feitas com um simples pedaço de papel. E Belizbel não parou mais de criar e inventar.

"Eu quis dar um tom fabuloso à história de Belizbel. É papel do autor inventar maneiras e estratégias de fazer chegar o livro na vida das pessoas. O livro infantil, em especial, exige cuidado e essa leitura mais próxima", disse. "Fico muito feliz que a Semed tenha uma Coordenação do Livro Infantil, pois leitura e literatura são direitos humanos, além de alimentar a alma, as crianças precisam da imaginação para crescerem seres humanos sensíveis", completou o escritor.

A coordenadora do Livro Infantil, Sinara Coelho, destacou que o livro 'Uma história sem pé nem cabeça', está sendo adotado pela rede municipal de ensino. Ela também ressaltou a importância do momento de interação com o escritor. "A palestra do Luciano Pontes abre um leque de possibilidades, dando continuidade às ações que estão sendo desenvolvidas nas formações de professores e em sala de aula com as crianças", disse.

O escritor, que também é palhaço e tua no grupo Doutores da Alegria, em Pernambuco, também falou de sua experiência como ator. Em 2018, fez participação na novela Malhação, estreando em televisão com o personagem Cícero, pai de Benê (Daphne Bozaski), que a abandonou devido ao autismo.

Luciano Pontes mora em Recife e tem formação livre em teatro e dança. Integrou durante cinco anos o elenco de atores-manipuladores do mamulengo Só-Riso, uma das principais companhias de teatro de bonecos do Brasil. Ganhou os prêmios APACEPE de melhor cenário de dança com 'Oratórium' (2002) e o do Festival Nordestino de Guaramiranga com 'O Terceiro Dia' (2003).





Enquete

Você é a favor da Reforma da Previdência?:

 

E-mail:

greg